Ministério Público recomenda e prefeitura terá que suspender serviços na Agricultura

O Ministério Público do Espírito Santo (MPES) recomendou que a Prefeitura de Presidente Kennedy suspenda os serviços ofertados pela Secretaria Municipal de Agricultura, por 45 dias, para que o Poder Executivo regulamente o decreto que institui o programa de benefícios ao produtor rural.

Com isso, serviços como Operações de terraplenagem para construção de instalações e/ou benfeitorias habitacionais e de apoio à produção e/ou transformação da produção agropecuária e pesca; Melhorar as estradas e vias de acesso mediante abertura, embueiramento, drenagem, pavimentação e patrolamento de carreadores e estradas visando escoamento de produção; Distribuição de sementes e mudas produzidas no viveiro municipal ou adquiridas pelo Município; entre outros elencados nas leis nº 1.100/2013 e 1.103/2013, estão suspensos.

A intenção é do MPES é que a prefeitura “observe a finalidade primordial de auxílio ao Pequeno Produtor Rural, estabelecendo critérios pormenorizados”, como, por exemplo, estabelecer limites máximos de fornecimentos de produtos/serviços/insumos para cada período de tempo; e caracterização do conceito de Pequeno Produtor Rural.

A prefeitura foi notificada no último dia 9 e já está tomando as devidas providências para que, dentro do prazo estipulado pelo MPES, os serviços possam ser normalizados.

Data de Publicação: terça-feira, 14 de maio de 2019

  ACOMPANHE A PREFEITURA Receba novidades sobre assuntos da Prefeitura
Endereço:
Rua Atila Vivacqua, n° 79 - Centro - Presidente Kennedy/ES
Atendimento Público:
Segunda a Sexta-feira das 08:00 às 17:00 horas.