Presidente Kennedy comemora 56 anos de emancipação política

Presidente Kennedy completa 56 anos de emancipação política neste sábado, dia 04 de abril. O município, que até o ano de 1963 era conhecido como Batalha, distrito de Itapemirim, hoje comemora as conquistas e o lugar de destaque que ocupa no Espírito Santo.

Maior produtor de leite e maior produtor de petróleo do Estado; um dos maiores produtores de abacaxi e de cana-de-açúcar; o Município com o maior investimento per capta do Estado em saúde e educação; a Prefeitura com maior investimento per capta do ES; dentre outros números que enchem de orgulho o kennedense. 

Muito para se comemorar nesses 56 anos de história, e apesar de o momento não ser propício para festas devido a Covid-19, o Município enaltece sua gente que é seu maior patrimônio.

 

História

Os livros contam que a história de Presidente Kennedy começa em 1581, quando o padre José de Anchieta, vindo do Rio de Janeiro, constrói uma igreja na fazenda de Muribeca, às margens do rio Itabapoana, hoje conhecida como Igreja de Nossa Senhora das Neves. Na época, a região era habitada por índios Puris e Botocudos.

Mais tarde, em 1759, quando os jesuítas foram expulsos do Brasil pela colônia portuguesa, a fazenda Muribeca, junto com várias fazendas localizadas próximas ao norte do Estado do Rio de Janeiro, se transformou em distrito de Itapemirim, com nome de Batalha.

Em Batalha predominava a criação de gado, as fábricas de farinha e as serrarias que se instalaram no lugar. O Responsável por trazer as serrarias, uma instalada na zona urbana, onde hoje é a sede do município e a outra na Fazenda Santa Lúcia, foi Átila Vivacqua. Hoje, uma rua de Presidente Kennedy carrega seu nome em homenagem.

Em busca de leis mais direcionadas e órgãos públicos locais, famílias começaram a buscar a emancipação de Batalha. Em 30 de dezembro de1963, com a Lei n° 1918, o distrito de Itapemirim e passou a ser a cidade de Presidente Kennedy.  Em 4 de abril de 1964, a lei foi consolidada e o município emancipado.

O nome foi sugerido pelo então Presidente da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Adalberto Simão Nader, como uma homenagem ao então presidente John Fitzgerald Kennedy, assassinado na mesma época. A história dos livros atribui o nome da cidade a justificativa que esta seria uma forma do governo dos Estados Unidos se aproximar de países sulamericanos com investimentos.

Um fato curioso é que como a emancipação se deu em pelo regime militar, a primeira administração pública foi feita por um interventor, Virgílio Bresisnki. A prefeitura e a câmara só foram inauguradas em 1967, com o inicio do mandado do primeiro prefeito, Manoel Fricks Jordão.

Data de Publicação: sexta-feira, 03 de abril de 2020

  ACOMPANHE A PREFEITURA Receba novidades sobre assuntos da Prefeitura
Endereço:
Rua Atila Vivacqua, n° 79 - Centro - Presidente Kennedy/ES
Atendimento Público:
Segunda a Sexta-feira das 07h às 13h.